Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



                       

                       UMA CRISE ENERGÉTICA

 

«Apesar de se considerar que os problemas relacionados com a utilização dos recursos energéticos caracterizam as sociedades modernas, nomeadamente as dos últimos dois séculos, estes problemas eram já vividos há muitos séculos atrás. Vejamos um exemplo ocorrido em Roma.

 

Há cerca de 2000 anos atrás a fonte de energia era a madeira. 

Na antiga Roma, a utilização da madeira criou problemas análogos aos vicenciados nas sociedades actuais, em virtude da utilização do carvão e do petróleo. Nessa época, os cidadãos romanos mais abastados possuiam centrais de aquecimento nas suas grandes casas, em que eram queimados mais de 125 kg de madeira em cada hora. Deste modo, as reservas locais de madeira foram rapidamente consumidas, e a sociedade romana viu-se obrigada a importar grandes quantidades de madeira vindas do exterior.

 

Uma vez que a crise energética se instalava em Roma, a utilização da energia solar foi a resposta aos problemas desta sociedade. Assim, as casas romanas foram construidas com orientações preferenciais e utilizados materiais de construção como vidros nas janelas, de modo a aumentar o aquecimento solar nos meses mais frios. Também desenvolveram estufas para produzir alimentos durante o Inverno e criaram balnearios públicos, alguns dos quais podiam ser uilizados por 2000 pessoas, de tal modos orientados que a energia solar passiva era aproveitada como recurso de um modo eficiente.

 

Nesta antiga sociedade, o uso eficiente da energia solar tornou-se de tal forma uma prioridade que existiam leis que protegiam todos os cidadãos que utilizavam correctamente a energia solar ou a partilhavam. Em alguns casos era mesmo proibido construir um edificio que fizesse sombra a outro.»

 

Retirado de "Terra, Universo de Vida"; (com supressões)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



calendário

Junho 2008

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930


Arquivo morto

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2007
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D